A Outra Banda da Lua une rock e afropsicodelia em EP que marca nova fase

O novo trabalho Catapoeira marca a despedida de Marina Sena do grupo mineiro

Foto: Thiago Botelho.

A Outra Banda da Lua une rock rural e afropsicodelia em EP que marca início de nova fase. O lançamento anuncia nova formação do grupo mineiro, já que é uma despedida para a vocalista Marina Sena (Rosa Neon), que irá se dedicar à sua carreira solo.

O EP Catapoeira dá a largada para este novo momento do grupo, que é formado por Matheus Bragança (baixo, violão, voz), Marina Sena, Edssada (guitarra, bandolim e voz), André Oliva (guitarra, violoncelo, percussões e voz), Mateus Sizilio (bateria e voz) e Daniel Moço (percussões). . O trabalho foi viabilizado por um financiamento coletivo bem sucedido realizado em 2020.

Em “Catapoeira”, os músicos fazem um retorno à forma, buscando uma sonoridade mais orgânica que remete aos seus primeiros lançamentos em cinco faixas inéditas produzidas por Rafael Carneiro no Guella Music

“Esse EP foi um período em que olhamos para o chão já percorrido, ‘catamos a poeira’, e seguimos em frente, nos adaptando às mudanças que o decorrer da vida nos proporciona assim como várias outras que a banda teve em seu processo. E de certa forma esse trabalho representa essa celebração com tom de despedida/benção à nossa irmã e vocalista, e uma benção/ensaio da ‘nova formação’”, sintetiza Matheus.

Leia Mais
Silvério Pessoa inicia nova fase com show do novo disco Sangue de Amor, no Recife