Espetáculo estreia em julho na Suécia. (Divulgação).
Espetáculo estreia em julho na Suécia. (Divulgação).
Espetáculo estreia em julho na Suécia. (Divulgação).

A dupla sueca de música eletrônica The Knife se uniu ao grupo de arte Ful para criar o Europa Europa, um projeto que se autodenomina “cabaret anti-nacionalista”. Com direção de Nasim Aghili, o trabalho faz uma crítica às políticas de imigração europeias, com destaque para a Suécia.

A estreia será no dia 1º de julho, em Visby, Suécia. A banda divulgou essa sexta (6) uma das músicas que estarão no cabaré chamada “För Alla Namn Vi Inte Får Använda” (“Todos os nomes que não usamos”, em tradução direta).

Segundo o disco, o clipe fala diretamente sobre a violência em relação aos imigrantes e critica as políticas existentes hoje. O video tem um tom didático na dança e nas letras para incentivar o ativismo de quem assiste. Segundo o coreógrafo Dom Dugliga, o vídeo é uma espécie de “Maracena Política”, fazendo referência ao hit da banda Los Del Rio. Tem mais detalhes no site.

Veja abaixo:

O The Knife é a banda do projeto (Foto: Divulgação).
O The Knife é a banda do projeto (Foto: Divulgação).
Leia Mais
Banda Remobília reflete sobre recomeços e reencontros no primeiro álbum “Ponto Final”