Foto: Beto Figueirôa/Divulgação.

30 fotografias irão ocupar paredes e outros espaços públicos do Morro. (Foto: /Divulgação).

A exposição Morro de Fé, do fotógrafo Beto Figueirôa, apresenta uma seleção de imagens captadas na Festa do Morro, que completa 110 anos de história em 2014 e atrai cerca de 800 mil pessoas nos dez dias que antecedem o 8 de dezembro, Dia de Nossa Senhora da Conceição. A exibição começa no sábado (29) e acontece ao ar livre nas ruas do Morro da Conceição, na Zona Norte do Recife.

O trabalho explora as figuras humanas que frequentam a festa, numa analogia entre a fé e o profano. São romeiros, pedintes, bêbados, pagadores de promessas, vendedores ambulantes, prostitutas. A maior romaria urbana do Nordeste, pelas lentes de Beto, representa as misturas sociais e misticismos de um povo genuinamente brasileiro.

EdicaoMorroRobson2014009_1

Com a curadoria de Mateus Sá, a exposição é composta por 30 fotografias coloridas e em preto e branco, impressas em grandes formatos, ocupando paredes e telhados com até 14 metros de largura. Durante a noite, as fotos contarão com iluminação instalada pela Emlurb, apoiadora do projeto.

“A exposição não poderia ser em outro lugar”, disse Figueiroa, que há 14 anos registra a Festa. A proposta é provocar, nas fotos, o reconhecimento dos moradores e dos visitantes do Morro. O projeto Morro de Fé resultará, ainda, em um livro composto por 50 fotografias, a ser lançado logo após o Carnaval 2015. O design gráfico da publicação é assinado por Sebba Cavalcante.

EdicaoMorroRobson2014029_1

Sem mais artigos