As festas no Zoom fizeram parte do cotidiano de muita gente no auge da quarentena da Covid-19 em 2020. Mesmo não estando mais tão em alta, os baladeiros ainda guardam esses momentos de farra caseira com carinho nos corações.

Pensando nisso, o músico Camões se juntou à Um/Quarto Club, coletivo português que fez festas online memoráveis com quatro palcos simultâneos nas salas de Zoom em 2020, e com o selo MangoLab para realizar um registro dessa memória afetiva desses momentos de alegria em meio a pandemia.

A ideia surgiu porque a letra de Marcos Valle fala justamente sobre ser feliz como puder no agora acreditando num amanhã melhor: “Fica combinado nesse dia/ A gente ser feliz como puder/ E viver a vida com alegria/ E que seja tudo como der e vier”.

Lives: de novena pra santo a transas ao vivo, só sei de uma coisa, estou cada vez mais baratinado

Passei um tempo desaparecido. Fruto de uma forte perturbação interior, optei pelo recolhimento e o anonimato diante de um mundo cada vez mais rotineiro. Para completar, a usurpação do poder por uma gente desalmada e cafona que agora habita o Planalto Central do Brasil foi a gota d’água para eu sair de cena. Embora milite contra essa gente torpe na surdina, um sentimento meio Greta Garbo “I want to be alone” passou a ser meu mantra. Todavia, com o surgimento […]

Read more

O protagonista dessa história é o dançarino de vogue Marco Chaves que faz parte do coletivo de dança House Of Kinisi. O clipe mostra a noite do dançarino numa festa de Zoom do momento que acessa a sala até o final. Já os outros festeiros que participaram são amigos da “¼” Club e do Camões que frequentaram muitas festinhas online ao longo da pandemia e queriam registrar e relembrar desses momentos de diversão.

Camões é um dos criadores da delícia, festa e coletivo carioca com um som inspirado em piscina, late 80’s e gin tônica. Além de DJ, é produtor e compositor. Em 2020, Camões lançou remixes de artistas contemporâneos da MPB como, Curumin e Valuá. Seu remix mais recente é de um dos seus mestres e principal referência, o Marcos Valle. A canção escolhida foi “Vou Amanhã Saber”, que ganhou tratamento nobre pra pista.

O novo remix da música já está disponível no site do Frescão e nas plataformas de streaming.

Leia Mais
DFB Festival retorna ao presencial com desfiles, shows musicais e debates