O artista em seu ateliê. (Foto: Patrícia Paes/Divulgação).
O artista em seu ateliê. (Foto: Patrícia Paes/Divulgação).

A Caixa Cultural no Recife apresenta a nova exposição do artista plástico cearense Rian Fontenele, A Restauração de uma Ausência. A abertura será dia 25 de junho. Os temas tratados nas 55 obras são sentimentos e identidades da humanidade, como o silêncio e a ausência.

A exposição é resultado de pesquisas em desenvolvimento há três anos, marcando uma nova fase do artista, um dos mais importantes hoje na pintura. Diferentemente dos trabalhos anteriores, nos quais tons sóbrios encobriam os personagens, na série A Restauração de uma Ausência” Rian permite uma maior incidência de luz nas telas, num resultado mais leve e revelador dos personagens.

“Sempre tive a literatura como base do que faço. A palavra sempre foi importante… ela é narrativa e por isso meu trabalho é narrativo”, explica o pintor por email.

Durante a exposição, o público poderá assistir ao documentário “Conversas de Aproximações” que apresenta o artista e a poética presente em seu trabalho, por meio de depoimentos da curadora e de pesqui

A abertura acontece no dia 25 de junho com visita guiada do artista. A visitação tem entrada gratuita e começa no dia 26 de junho das 12h às 20h de terça a sábado e das 10h às 17h aos domingos. A entrada é gratuita. A Caixa Cultural fica na Avenida Alfredo Lisboa, 505, no Recife Antigo.

Rian Fontenel

rian fontenele 6 100x80

rian fontenele 9 160x120

Leia Mais
Artistas lançam projeto Museu de Bolso com técnica Flipbook