A juventude cubana de Bilhete Para o Paraíso (Foto: Divulgação/Mostra de Cinema Cubano).
A juventude cubana de Bilhete Para o Paraíso (Foto: Divulgação/Mostra de Cinema Cubano).
A juventude cubana de Bilhete Para o Paraíso (Foto: Divulgação/Mostra de Cinema Cubano).

Recife recebe a partir dessa terça (1º) até o dia 6 de abril, a Mostra de Cinema Cubano Contemporâneo. Serão seis longas e 21 curtas, que serão exibidos na Caixa Cultural, no Recife Antigo. Os ingressos custam R$ 2,00 (inteira) e R$ 1,00 (meia).

Entre os destaques da programação (vide abaixo), estão os longas: Morango e Chocolate – obra-prima do diretor Tomás Gutiérrez Alea (o Titón), que levou Cuba ao Oscar -, Bilhete para o Paraíso (Gerardo Chijona) e Suíte Havana de Fernando Pérez, um dos grandes diretores cubanos da atualidade. Entre os curtas, podem ser vistos Gozar, Comer, Partir, Tacones Cercanos e Camionero, este último vencedor de prêmios e baseado em fatos reais. Diariamente, haverá duas sessões: uma, dos curtas, às 18h, e a segunda, do longa, às 20h.

Morango e Chocolate, um clássico do cinema cubano (Foto: Divulgação/Mostra do Cinema Cubano).
Morango e Chocolate, um clássico do cinema cubano (Foto: Divulgação/Mostra do Cinema Cubano).

A programação traz um panorama de curtas que se destacaram nas últimas edições da Mostra de Jovens Realizadores de Cuba, evento que acontece todo ano em Havana.

A Mostra de Cinema Cubano traz ainda duas oficinas gratuitas ministradas por Susana Barriga e Patrícia Ramos, ambas professoras da Escola Internacional de Cinema e TV de San Antonio de los Baños. A programação completa dos filmes pode ser vista no site oficial.

Leia Mais
Longa Paloma, vencedor do Festival do Rio, ganha trailer