Cena de "Duas Histórias", de Angela Zoe. (Divulgação).
Cena de "Duas Histórias", de Angela Zoe. (Divulgação).
Cena de “Duas Histórias”, de Angela Zoe. (Divulgação).

Outro projeto de cinema estreia no próximo mês. O Circuito Universitário de Cinema será realizado nos meses de agosto e setembro e trará filmes sobre o período da ditadura militar no Brasil e na América Latina e suas consequências. Universidades, escolas e instituições de ensino de todo o País farão exibições de filmes, sempre seguidas de debates sobre o tema.

Leia Mais
Documentário Setenta mostra resistência à ditadura
HQ online Ditadura no Ar ganha versão impressa

Os títulos escolhidos para a mostra são os documentários:70 – Setenta, de Emília Silveira, Duas Histórias, de Ângela Zoe, e 500 – Os bebês roubados pela Ditadura Argentina, de Alexandre Valenti. Serão realizadas seis sessões em cada uma das 27 Unidades da Federação. Para a produção da mostra haverá um Agente Mobilizador por estado para articular as exibições nas universidades, divulgar o evento, ajudar na pesquisa de debatedores, além de escrever relatório final sobre o Circuito no seu estado.

“Para repensar e revisitar este momento histórico, o Circuito Universitário de Cinema aposta na utilização de material audiovisual como um excelente instrumento de resgate desta memória. A partir dos debates, estimulamos a troca de conhecimento entre debatedores e estudantes, fomentando assim a discussão”, afirma a diretora da MPC, Luciana Boal.

Leia Mais
Eu Curto, Tu Curtes, Ele, o Curta: a importância da crítica de cinema