8.5

Nascida no Japão e criada em Nova York, a cantora Mitski Miyawaki chega ao quarto disco com um projeto bem acabado que une o folk confessional com toques de riot grrrl. Puberty 2 tem a vulnerabilidade necessária para engajar o ouvinte em uma viagem sobre as dores do amadurecimento.

Com apenas 25 anos, Mitski (ainda) não possui arestas nem freios para demonstrar o que sente, mesmo que isso signifique faixas ainda inconstantes, mas cheia de força bruta e sinceridade. “A felicidade fode você”, canta ela em “Happy”. A sua identidade mestiça também é tema de suas canções, como na irônica “Your Best American Girl”. Já em My Body’s Made of Crushed Little Stars temos um hino punk executada com as entranhas: puro deleito punk, das antigas.

Depois de ganhar holofotes com o anterior, Bury Me At Makeout Cree Mitski (2014), Mitski mostra em Puberty 2 um perfeito relato biográfico em forma de raiva, paixão e guitarras pesadas.

mitskié pura

Leia Mais
Primavera Sound confirma atrações da edição de 2021 com Pabllo Vittar, Charli XCX, Strokes e Bad Bunny