Os diretores Matheus Souza e Enock Carvalho. (Divulgação).
Os diretores Matheus Souza e Enock Carvalho. (Divulgação).

Os diretores estreantes Enock Carvalho e Matheus Farias estão com uma campanha para o financiamento coletivo do primeiro filme deles, Quarto Pra Alugar.

O filme é uma ficção com influências do gênero de terror. O micro-orçamento é de R$ 3.500,00, valor muito menor do que o filme naturalmente custaria. Apenas na primeira semana da campanha o projeto recebeu contribuições que somam 64% da meta, mas precisa de mais contribuições para atingir o total.

O financiamento coletivo é a principal solução para cobrir os custos da produção, incluindo a alimentação para equipe, transporte, materiais de cenografia e figurino, e serviços de finalização, como mixagem de som e cópia digital DCP para cinemas.

História

No curta, a personagem Letícia está perdida no tempo. Sua rotina noturna e melancólica deixa transparecer o que há de mais selvagem, obscuro e sanguíneo do ser humano. Após conhecer Gabriela numa festa e trazê-la para sua casa, estranhas movimentações passam a se desenvolver em seu antigo sobrado. Uma das duas nunca deixará aquele apartamento.

“Nós não considerávamos realizar o financiamento coletivo. Hoje vemos que teria sido um erro não fazê-lo. O resultado foi impressionante. Mais de 40 pessoas ajudaram a financiar o filme logo na primeira semana”, contou Enock Carvalho, um dos diretores do filme, que é formado em jornalismo.

A equipe do filme está recebendo contribuições de amigos, familiares e até mesmo desconhecidos. Todas as contribuições, que começam em R$ 10,00, incluem recompensas, desde nome nos créditos do filme a um vídeo especial de agradecimento gravado no set. Empresas também podem patrocinar o projeto.

Outros projetos no Recife estão apostando no crowdfunding como forma de financiamento da produção. É o caso do filme OVNI do diretor Cesar Castanha, Rua Cuba, do diretor Filipe Marcena, e Domingos, de Jota Bosco, do coletivo Toca o Terror.

A equipe conta com a participação de Thaynam Lázaro (Produtor executivo), Alysson Souza (Direção de produção), Yuri Lins (Assistente de direção), Rafael de Almeida (Direção de Fotografia), Natali Assunção (Preparação de Elenco), Joana Claude (Direção de Arte), Iara Ximenes (Figurino), Clarissa Dutra (Still) e Nicolau Domingues (Som Direto). As filmagens estão previstas para Outubro.

banner-kickante2

Leia Mais
O noir galego de O Sabor das Margaridas