mesmoamor

O assunto gay e religião nunca esteve tão presente no noticiário brasileiro, sobretudo por causa do julgamento moral que muitas igrejas perpetram (e isso acabou chegando na política). Mas ainda é pouco discutido o fato de muitos homossexuais encontrarem um ambiente religioso que incentive a diversidade. É essa investigação que faz o doc O Mesmo Amor, de Paulo do Valle, Ligia Dumit, Luiza Judice e Mariane Galacini.

O filme, produzido pela Firehouse Media, mostra a Igreja Cristã Evangelho Para Todos, uma das primeiras igrejas no Brasil a focar a chamada “Teologia Inclusiva”, uma interpretação alternativa da Bíblia que chamou atenção de muitos fiéis. O doc foi fruto de um projeto de conclusão de jornalismo da PUC-Campinas.

“Em tempos de Felicianos, Malafaias, Bolsonaros e a intolerância (ou ignorância) de grande parcela da população, acreditamos que o período é propício para a abordagem do tema do documentário, que incita a reflexão, repensa a tolerância e proporciona discussões por outro viés do assunto”, escreveu à Revista O Grito, uma das realizadoras, Luiza Judice. Veja abaixo o filme.

Leia Mais
Festival da Juventude traz shows de Bione, Rayssa Dias e UANA como parte da programação do Coquetel Molotov