Foto: Nicolas Gondim/Divulgação.
Foto: Nicolas Gondim/Divulgação.

Da Revista O Grito!
Em Fortaleza

A nova aposta na moda masculina independente, o catarinense Jonathan Scarpari acredita disposto a arriscar – e errar. A coleção apresentada no terceiro dia do Dragão Fashion Brasil, maior evento de moda autoral do Brasil, que acontece em Fortaleza, foi repleta de proposições longe dos padrões.

Leia Mais
Mark Greiner e o Cariri Rock
O maximalismo de Kalil Nepomuceno
Lindebergue faz baile perfumado no Dragão
O novo homem moderno por Mário Queiroz

Natural de Santa Catarina, Jonathan ganhou visibilidade no projeto gaúcho Entremeios, mas chamou atenção mesmo na Casa de Criadores, em São Paulo, onde ficou entre os selecionados do movimento Hotspot. Ele fez este ano sua estreia no Dragão Fashion Brasil. Com muito apelo visual, a coleção apostou em processos manuais, com tecidos traçados à mão.

E como mostrou Mário Queiroz na abertura do Dragão esse ano, peças antes tidas como exclusivamente femininas estão invadindo o guarda-roupa deles, como vestidos e saias. Se isso é um movimento natural da evolução da moda ou não, vai saber. Mas hoje, os homens que sustentam a indumentária estão na vanguarda do estilo. Sem parecer “camp” ou pura pinta, as e batas e blusões de crochê – além da bermuda com pregas – ficaram integradas à identidade do autor.

Pra mostrar a versatilidade das roupas, a coleção trouxe modelos que encarnaram executivos, boêmios, além de personagens mais casuais. É bom ver a moda masculina ser tirada do lugar. Jonathan Scarpari ganha uma boa vitrine dentro de um evento marcado por mais experimentação em relação aos seus colegas do circuito de moda.

Veja os looks da coleção.

jonathan5

jonathan6

jonathan7

jonathan8

jonathan9

jonathan10

jonathan2

jonathan3

jonathan4

* A Revista O Grito! viajou a convite da organização do evento

Leia Mais
DFB Festival retorna ao presencial com desfiles, shows musicais e debates