Foto via Guardian

A polícia britânica prendeu neste domingo Rebekah Brooks, a ex-editora do tablóide News Of The World, em Londres. Ela é acusada de ter autorizado os grampos telefônicos no escândalo que culminou com o fechamento do jornal.

Brooks deixou a posição de presidente-executiva do grupo News International, pertencente a Rupert Murdoch, na última sexta-feira após enfrentar pressão devido a seu suposto envolvimento com o escândalo de grampos telefônicos e compra de informações de policiais.

A polícia de Londres uma mulher de 43 anos, está detida, suspeita de envolvimento em corrupção e em conspiração para interceptar comunicações.

Segundo um porta-voz de Rebekah Brooks, ela “compareceu de forma voluntária a uma delegacia de Londres para ajudar com a investigação em curso”.

Ela é a décima pessoa a ser presa durante as investigações do escândalo envolvendo o jornal News of the World, que teve sua última edição publicada uma semana atrás.

Via BBC Brasil. Vídeo via EuroNews Portugal.

Foto via Guardian
Leia Mais
Festival de Cinema de Triunfo divulga lista de filmes selecionados, com 38 produções em competição