Fotos: Divulgação
Fotos: Divulgação

Please, um tempinho para Lady Warhol
Exposição mostra fotos do artista pop Andy Warhol em estado feminino

Por Alexandre Figueirôa
Da Revista O Grito!, em São Paulo

Quem estiver em São Paulo até o próximo domingo pode aproveitar entre um protesto e outro para dar uma checada na exposição Lady Warhol, em cartaz no Museu de Arte Moderna, no Parque do Ibirapuera. Ela apresenta uma série de fotos feitas por Christopher Makos no início dos anos 1980 onde o artista pop Andy Warhol aparece maquiado e usando perucas femininas. Os dois trabalhavam juntos há algum tempo e o ponto de partida da experiência foi a famosa foto em que o fotógrafo Man Ray retratou o surrealista Marcel Duchamp usando chapéu de mulher e vestido e intitulou a colaboração de Rrose Selavy.

Makos e Warhol não queriam o clima noir da foto de Ray, nem que as imagens a serem feitas por eles fossem “uma coisa drag”. Eles resolveram então alterar rosto e cabelo, mas os trajes de Warhol seriam os que ele usava na época: jeans, camisa social, gravata e botas. A intenção era obter um contraste na composição e ver como uma pintura no rosto ou um cabelo feminino muda completamente a aparência de alguém.

LadyWarhol02

Segundo Makos, desde o final da década de 1970 estava na moda fazer cross-dressing para criar confusão de gêneros. As fotos dele não fogem à regra e misturam elementos estilísticos para expressarem uma sexualidade ambígua. Foram feitas 349 imagens divididas em dois grupos. No primeiro Warhol traveste-se de maneira e ficar parecido com as mulheres ricas que ele fotografava sob encomenda. Nessas fotos ele exibe um olhar perdido e uma expressão externando uma certo ar enfastiado.

Nas fotos do outro grupo ele aparece de forma mais glamurosa com maquiagem teatral feita por um profissional. Todas, no entanto, enfatizam a confusão dos gêneros sexuais e os estilos de vida alternativos e não conformistas que começavam a surgir na época. Os retratos de Warhol reavivam a imagem do artista irreverente e narcísico que ele era, mas mostram a atualidade de sua atitude sempre questionadora e a irrefutável constatação de seu vanguardismo. Uma mostra imperdível.

Leia Mais
2º Salão de Beleza celebra potências e ausências da arte plástica pernambucana