tardes_14

No período das férias, a tentação é grande em sacudir as crianças em qualquer colônia, “fazendinha” ou em realidades virtuais para que a vida volte à normalidade por algum tempo. Mas aqueles pais que pensam em dispensar um tempo maior com os filhos podem arriscar propostas interessantes que fogem do convencional. A e o Museu de Arte Moderna Aloísio Magalhães estão com propostas interessantes.

Depois de propor um tempo maior para a criação em contraponto à rapidez dos dias atuais com o Gráfica Lenta, a Galeria Mau Mau agora quer propor atividades infantis sem dependência de softwares, eletrônicos e mais baseado na imaginação. A Tardes de Quintal começa em julho e propõe feira de troca, oficina de fanzines, descoberta de instrumentos sonoros e teatro.

O projeto acontece desde 2010 e acontece durante as tardes, das das 14h às 17h, no período de 07 a 12 de julho, com aulas de segunda à sábado. Segundo os organizadores, “o intuito é promover experiências livres e lúdicas, em um espaço que proporciona o contato direto com a natureza e com práticas artísticas.”

A faixa etária é dos 6 aos 12 anos. O valor varia entre R$ 80 (diária) a R$ 450 (a semana toda).

Os artistas Maurício Silva e Maurício Castro em ação no Gráfica Lenta. (Fotos: Alexandre Figueirôa/OGrito!).

Os artistas Maurício Silva e Maurício Castro em ação no Gráfica Lenta. (Fotos: Alexandre Figueirôa/OGrito!).

No mês de julho o Museu de Arte Moderna Aloísio Magalhães (Mamam), que fica na Rua da Aurora, sedia quatro novas oficinas de arte para as crianças: animação, ilustração, teatro e contação de histórias. As atividades serão realizadas entre 1º e 10 de julho, em diferentes espaços do Museu.

O material produzido durante as duas semanas de oficinas irão compor o evento de encerramento, no dia 10 de julho (quinta), às 17h, com mostra de filmes, apresentação teatral, contação de histórias pelas crianças e exposição de todo o material realizado. As vagas são limitadas a 10 alunos por turma. As inscrições custam R$ 100 e podem ser feitas pelo telefone: (81) 3355-6870 ou e-mail projetoparaonde@gmail.com.

Esta é a ação inaugural do projeto Para Onde, que em sua primeira edição evoca a materialização artística dos sonhos. A iniciativa é dos coletivos Aogue, O Tapete Voador e Barbarizá, com o apoio da ação educativa do Mamam.

Bárbara Melo, Roma Júlia e Gabi Saegesser do projeto Para Onde. (Divulgação).

Bárbara Melo, Roma Júlia e Gabi Saegesser do projeto Para Onde. (Divulgação).

mamam2

Sem mais artigos