Gilú Amaral lança seu single solo, “La Civilización”, que faz parte do seu novo projeto, O Sopro e a Percussão, que tem previsão de lançamento para o ano que vem. A faixa é uma parceria com o DJ Rimas.INC.

“‘La Civilización’ nasce num momento em que é urgente pensar nos conceitos que envolvem a própria civilização – com sua humanidade (e a falta dela) em tantos de nós. A música nos tira do isolamento, porque a arte nos oferta vida. E vivos, podemos lutar para que sejamos o nosso próprio governo”, explica Gilu na apresentação da faixa. “Nela, ecoa a voz do líder e revolucionário, Fidel Castro, que em
1979 fez um discurso histórico na Assembleia da ONU. A música resgata a nossa ancestralidade, trazendo questionamentos necessários, sobretudo no momento atual. É intensa, mas também dançante. Estamos isolados, mas não ilhados. É preciso ação!”

é artista natural da cidade de Olinda. Fundador da Orquestra Contemporânea de Olinda (OCO) e do Grupo Instrumental Wassab, atualmente é um dos integrantes da banda pernambucana Ave Sangria. Também é produtor musical, compositor de trilhas sonoras para filmes e espetáculos de dança, além de curador do Aurora Instrumental.

Leia Mais
As 50 melhores músicas de 2020