House of the Dragon: O que esperar da série spin-off de Game of Thrones

A série vai ser lançada mundialmente no dia 21 de agosto

House of Dragon/ Foto: Divulgação

A nova série da HBO, House of the Dragon, ou Casa do Dragão na tradução nacional, vai estrear mundialmente no dia 21 de agosto, trazendo uma nova história no mesmo universo da a aclamada série Game of Thrones.

A poucos dias da grande estreia, o spin-off de GOT já é um dos lançamentos mais esperados pelos fãs, que desejam ver mais de perto as intrigas da família Targaryen. Um dos cocriadores de House of the Dragon explicou que apesar do respeito pela série que veio antes, deseja criar um novo produto que seja completo e satisfatório.

“Nós temos esse gigantesco legado para levar para frente e nós queremos fazer isso da melhor forma, que honre o que veio antes, mas que também não faça o que eu acho que muitas sequencias fazem: Tomem o que vocês amam embrulhado em um pacote diferente”, afirmou Ryan Condal ao jornal Entertainment Weekly.

Mas afinal, o que se pode esperar de House of The Dragon? A Revista O Grito separou alguns pontos interessantes e que farão parte do aguardado lançamento.

  1. TRAMA POLÍTICA

Com a narrativa se passando 200 anos antes de toda a história de GOT, a série vai acompanhar mais de perto a família Targaryen, uma das mais importantes de todo o universo e que detém um imenso poder em seus reis e rainhas. Ao iniciar o spin-off, o rei Viserys está em meio a uma crise política e apesar do poder que carrega com seu sobrenome, o reino passa por uma divisão social. Em meio à insegurança, o irmão mais novo do rei, príncipe Daemon e a princesa Rhaenyra, filha de Viserys, são candidatos ao trono.

Poster do rei Viserys/ Divulgação

2. FIDELIDADE À HISTÓRIA

Casa do Dragão é baseada na obra do escritor George R. R. Martin, Fire & Blood (Fogo e Sangue), livro com cerca de 700 páginas que foi publicado por ele no ano de 2018 e conta em detalhes toda a historia da família Targaryen. Assim, o livro foi utilizado pelos produtores da série para tornar os episódios, personagens e conflitos dentro da obra o mais verossímil possível. Além disso, o próprio escritor, Martin, atuou como cocriador de House of The Dragon.

George R. R. Martin/ Foto: Reprodução twitter

3. ATUAÇÕES EXPCIONAIS

Um dos pontos mais importante de todas as produções televisivas é a escolha dos atores e atrizes que darão vida aos personagens. No caso de House of The Dragon, uma produção tão antecipada, as estrelas da série são diversas, mas se mostram prontas para o desafio.

A começar pelo rei Viserys, o ator que o interpreta é o veterano inglês, Paddy Considine, que possui uma carreira vasta e se destacou no cinema em diversas obras. A princesa Rhaenyra, herdeira do rei, ganhou vida com a atriz Emma D’Arcy, estrela ativa no mundo do teatro e que também conta com experiencias na televisão. Outro Targaryen de quem se espera muito é o irmão mais novo do rei, Daemon, que é interpretado por Matt Smith, outro ator experiente.

Além do trio, as estrelas Milly Alcock, Graham McTavish, Olivia Cooke e muitos outros também participam da produção.

Emma D’Arcy e Matt Smith/ Divulgação

4. SALTOS NO TEMPO

O jornal The Hollywood Reporter divulgou que a série não contará sua história de uma maneira unicamente linear e ao invés disso, optou por utilizar saltos no tempo como forma de cobrir, em sua primeira temporada, 28 anos de reinado. Com esse artificio, o maior foco da produção estará propriamente na história que se desenrola e não estará tão focada em desenvolver 100% de seus personagens. Os criadores da série a compararam com a produção da Netflix The Crown, que conta a história do reinado da família real britânica.

Capa de House of Dragons/ Foto: Divulgação

5. DRAGÕES

Como o próprio nome anuncia, uma novidade que será trazida na série é a presença frequente dos dragões, as criaturas místicas vistas pela primeira vez em Game of Thrones. Desde suas primeiras aparições, os seres ganharam adoradores e para a história da família Targaryen, é claro que eles não podiam faltar.

Leia Mais
Morreu o poeta Miró da Muribeca, aos 61 anos