HQ Juan Solo, de Jodorowsky e Bess, tem lançamento inédito no Brasil

Com tradução de Eduardo Nasi e letras de Lilian Mitsunaga, a HQ já está disponível nas livrarias do país

Foto: Divulgação/Conrad Editora

Publicada pela primeira vez na França, entre 1995 e 1997, Juan Solo, do chileno Alejandro Jodorowsky e do francês Georges Bess, chega de forma inédita no Brasil, pela Conrad Editora. Com tradução de Eduardo Nasi e letras de Lilian Mitsunaga, a HQ tem 224 páginas, capa dura em edição de luxo de colecionador e miolo colorido, e já está disponível nas livrarias do país.

Foto: Divulgação/Conrad Editora

Nascido com um rabo, abandonado numa lata de lixo, as chances de sobrevivência de Juan Solo eram quase nulas. Mas ele fez mais que sobreviver: lutou para chegar ao topo, em uma trajetória que lhe custou a própria alma. Como uma tragédia grega contemporânea, a história não pega leve e conduz o leitor a uma jornada pelas mais soturnas profundezas do espírito humano.

Na HQ, os autores Alejandro Jodorowsky e Georges Bess exploram as facetas mais sombrias da natureza humana e produzem uma história densa, repleta de reviravoltas, em uma trama que prende o leitor do começo ao fim. Recomendado para maiores de 18 anos devido ao conteúdo sensível, sem moderação quanto a sexo e violência, Juan Solo agrada aos fãs de HQs cinematográficas e admiradores do trabalho do cineasta e escritor de filmes e quadrinhos, muito cultuado no Brasil.

Leia Mais
Netflix confirma segunda temporada de Sandman