Mestra Jeane Ferreira fará solo de dança na Mostra. Foto: Morgana Narjara. (Divulgação).

Nos dias 14, 15 e 16 de julho acontecerá a I Mostra Obinrin-Kunhã de Dança, no canal do YouTube homônimo, a partir das 20h. O projeto incentivado pela Lei Aldir Blanc 2021, tem o intuito de destacar a beleza, a força e o protagonismo das mulheres nas danças populares de matriz e motriz afro-indígena.

Nos três dias de programação, que vão girar em torno da visibilidade, empoderamento e o fomento artístico feminino, 17 solos inéditos de dança serão apresentados, exaltando o brilho de mulheres com trajetórias expressivas em seus movimentos e danças tradicionais como caboclinhos, maracatu, afoxé, xaxado, cavalo-marinho, frevo, samba-de-roda, coco, capoeira.

Os trabalhos serão distribuídos em eixos que dialogam sobre re(existência), memória, espiritualidade, história, ancestralidade e continuidade.

Mestras da cultura popular, artistas de dança, brincantes e criadoras-intérpretes vão apresentar seus solos. E rodas de diálogo serão realizadas para pensar a trajetória e os desafios de ser mulher da dança e da cultura popular.

O evento é idealizado por Marcela Rabelo, conta com produção executiva de Felipe França e produção de Marriane Costa.

Programação

DIA I | 14/07 | OBINRIN-KUNHÃ: RE(EXISTÊNCIA) E MEMÓRIA

A FORÇA DAS RUAS (1min30)

Josy Siqueira

PENACHO AMARELO, MULHER E ANCESTRALIDADE CABOCLA (7min)

Mestra Jeane Ferreira

IJÓ ASÈ ERÊ (4min)

Janaina Santos 

CORPO MEMÓRIA (7min28)

Taynã Fortunato

SOU A BELEZA QUE DANÇA E NÃO SILENCIA (3min 46)

Juliana Ramos

A RESISTÊNCIA DO MARACATU FEMININO DE BAQUE SOLTO CORAÇÃO NAZARENO (4min)

Denise Maria

RODA DE DIÁLOGO

DIA II | 15/07 | OBINRIN-KUNHÃ: ESPIRITUALIDADE, HISTÓRIA E REVOLUÇÃO

JACIRA (5min39)

Iara Campos

O FUTURO DO PASSADO E O PASSADO DO FUTURO (2min30)

Islene Martins

MARAVILHOSAS PERNAMBUCANAS (7min)

Priscilla Tawanny

MINHA DANÇA TEM HISTÓRIA! (6min)

Mirtes Ferreira

TAPUIA DO CANINDÉ (8min)

Silvania Ramos

SAUDAÇÃO AS YÁBÁS (5min)

Maria Inêz

RODA DE DIÁLOGO

DIA III |16/07 | OBINRIN-KUNHÃ:  ANCESTRALIDADE E CONTINUIDADE

DE RAIZ PRA RAIZ (5min)

Marcela Santos

NO PASSO DA VIDA…SÃO DOIS PARA LÁ DOIS PARA CÁ (3min)

Zenaide Bezerra

O LEGADO (8min)

Mestra Nice Teles

FOLHAS (3min)

Luciana Souza

DA SERPENTE À ROSEIRA, SALVE AS ARRUACEIRAS! (8min)

Marcela Rabelo

RODA DE DIÁLOGO

Disponível, no canal I Mostra Obinrin-Kunhã de Dança, no YouTube, as partir das 20h.

Leia Mais
Bruna Pena lança single “Tu Dum” com influências do indie pop, lo-fi e acid jazz