Kesha passou por uma fase bem barra-pesada nos últimos anos, que envolveu uma briga judicial com seu produtor e empresário Dr. Luke. Ela agora retorna com “Praying”, uma faixa reflexiva que remete a esse período.

Antes de começar o clipe a cantora faz um monólogo onde faz questionamentos (inclusive religiosos) como “Eu estou morta? Ou é um daqueles sonhos que parecem durar para sempre? Qual a lição? Qual o ponto? Deus, me dê um sinal, ou eu tenho que desistir”. A direção de arte do clipe também aponta para uma catarse de superação.

“Praying” é o primeiro single do novo disco de Kesha, Rainbow, que sai no dia 11 de agosto.

Desde 2015 Kesha briga judicialmente contra Dr Luke para se livrar do contrato com o selo Kemosabe Records. Com isso ela ficou impedida de gravar novas músicas e com isso fazer turnês. Muito massa ver essa narrativa de Kesha virar para o lado dela.

Leia Mais
Festival WeHoo anuncia programação com BaianaSystem, Jão, Matuê e Djonga