Livro em homenagem a Pixinguinha traça vida e obra de um dos maiores músicos que o Brasil já teve

Publicação vem pela Numa Editora e faz parte da coleção "Culturas Cariocas"

Registro de Pixinguinha com o filho Alfredinho. (Divulgação).

Pixinguinha, um dos maiores nomes da música popular brasileira, ganha, próximo dos 50 anos de sua partida (17 de fevereiro de 1973 ), uma homenagem em um livro biográfico, com discografia comentada e memória fotográfica. De André Diniz, Pixinguinha, um perfil biográfico, vem pela Numa Editora.

A publicação faz parte da coleção “Culturas Cariocas” organizada por André Diniz e Luiz Antônio Simas que tem como proposta trazer à luz assuntos e personalidades marcantes do Rio de Janeiro, reafirmando sua importância no cenário nacional. E o músico tema do livro, é testemunha e participante ativo da construção da identidade cultural do Brasil.

“Pixinguinha é o maior nome da música brasileira na primeira metade do século XX. Além de consolidar o choro como gênero, fortaleceu a linguagem do contraponto do choro com seu saxofone e soube incorporar em seus arranjos os batuques e as macumbas das ruas”, afirmou André Diniz.

O livro traz fotos do músico e compositor ao lado de amigos e companheiros de música e uma discografia comentada pelo músico e maestro Henrique Cazes, feita a partir de álbuns disponíveis nas plataformas digitais. A capa do livro leva a assinatura do artista gráfico Mello Menezes. André Diniz ainda traz como elemento especial uma dedicatória à sua avó, que pôde conhecer Pixinguinha nas rodas de choro pelas ruas da cidade de Niterói (RJ). 

Serviço:

Lançamento do livro: Pixinguinha, um perfil biográfico, de André Diniz 

Preço: R$ 53,00

Numa Editora

À venda no site da Numa Editora. 

Capa do livro por Mello Menezes. (Divulgação).

Leia Mais
Em parceria inédita, Alice Caymmi e Chico César dividem os vocais na nova faixa “Do Acaso”