Paulo Werneck 9

, um dos mais importantes muralistas brasileiros ganha retrospectiva no Museu de Arte Moderna Aloísio Magalhães (), nessa quarta (23).

A mostra é gratuita e conta com curadoria de Claudia Saldanha, neta do autor. Serão exibidos 103 projetos para painéis assinados pelo autor. Paulo Werneck (1907 – 1987) foi um ilustrador e artista plástico carioca e ficou famoso pelos painéis da Pampulha e como parceiro de Oscar Niemeyer. Aqui no Recife ele criou uma obra para o prédio do Banco do Brasil à beira do Rio Capibaribe.

Ao longo de sua carreira foram mais de 300 murais para residências, prédios públicos e comerciais. Para o painel do Recife foram utilizados 10.800m2 de pastilhas de vidro, nas cores azul e cinza claro em todas as fachadas, inclusive no painel cromático da fachada principal, que absorveu 1.320m2 de pastilhas de vidrotil, também vermelhas, cinza e azul marinho.

A exposição também mostrará ilustrações do artista para livros infanto-juvenis como a “Lenda da Carnaubeira” e “Negrinho do Pastoreio”. “Paulo Werneck também teve uma intensa produção como ilustrador. Nessa exposição, porém, vamos nos deter mais aos murais criados por ele”, disse Claudia Saldanha, por email.

Veja alguma das obras. A exposição tem entrada gratuita e vai até 7 de setembro. O Mamam fica na Rua da Aurora, 265, no Centro do Recife. A visitação estará aberta de terça a sexta das 12h às 18h; sábados e domingos, das 13h às 17h.

Paulo Werneck 10

werneck

Todas as fotos: Divulgação.

Sem mais artigos