O quadrinista e editor Otacílio Costa d’Assunção Barros, mais conhecido como , faleceu aos 67 anos nesta sexta (24). Ele foi encontrado morto em sua casa, no Rio de Janeiro, como informou o G1. Ele ficou conhecido por ter sido o editor da revista , uma das publicações mais longevas do mercado brasileiro de quadrinhos.

Após cinco dias sem contato com amigos e familiares, os vizinhos acionaram as autoridades. Ao chegar ao local, os bombeiros arrombaram a porta do apartamento e o encontraram morto.

Formado em jornalismo, foi editor da versão brasileira da por 34 anos. Com este seu trabalho ele ajudou a revelar diversos talentos do quadrinho brasileiro. Ele também foi o criador da personagem Garota Bipolar (que foi financiada recentemente pelo Catarse) e editou por muitos anos a Revista do Ota, com a qual ganhou um HQ Mix em 1994.

Leia Mais
Papo com o artista circense recifense Alan Sencades: “Estamos em um contexto doentio e a arte é um instrumento de cura”