Cena do filme Paixões Recorrentes/ Divulgação

Ana Carolina Teixeira Soares retorna às telas de cinema no dia 18 de agosto com o seu mais novo trabalho, Paixões Recorrentes. O longa metragem teve sua estreia internacional no 51ª Festival de Cinema de Rotterdam e ganhou o prêmio Melhor Roteiro Original em Língua Estrangeira pelo Madrid International Film Festival.

A obra traz em sua narrativa a história de um grupo de pessoas diversas e de nacionalidades diferentes que discutem sobre as questões do mundo em uma praia na região sul do Brasil, no mesmo dia em que a Segunda Guerra Mundial teve inicio, no ano de 1939.

Os atores Thérèse Cremieux, Luciano Cáceres, Pedro Barreiro, Silvana Ivaldi, Danilo Grangheia, Iran Gomes e Luiz Octavio Moraes são as estrelas do longa que discute tempo e poder, além das paixões.

“O título é fácil de explicar…porque paixões recorrentes em geral são manias. Cada vez que nos apaixonamos por algo que acreditamos ser novo…não é, é sempre a mesma paixão! É o objeto da paixão que é novo. A paixão que está no título se refere a todas as paixões…inclusive as políticas. A paixão sempre está no limite do mergulho em confusões arbitrárias, discórdias, autoritarismos e demonstrações de poder. Até cair no esquecimento geram desastres irrecuperáveis”, destacou a diretora.

Ana Carolina é uma diretora expoente no cenário nacional e mundial, tendo sido a única brasileira a entrar na lista das 100 cineastas mais influentes do século da revista francesa Cahiers du Cinéma. Algumas de suas obras mais conhecidas são Getúlio Vargas, Amélia e Gregório de Mattos.

Cena do filme/ Divulgação
Leia Mais
Novidades Musicais da Semana: Billie Eilish, Luísa e os Alqumistas, Megan Thee Stallion, Djavan e Milton Nascimento