Peça Os Ossos do Barão entra em curta temporada em São Paulo

Espetáculo é inspirado na obra de Jorge Andrade. O centenário de nascimento do autor é comemorado neste ano

O cenário recria uma casa típica dos anos 1960. Foto: T3 Produções. (Divulgação)

A comédia Os Ossos do Barão, uma das peças famosas de autoria de Jorge Andrade, que foi um dos maiores autores do teatro no Brasil, entra em curta temporada no Espaço Teatral Encena até o dia 5 de novembro. A peça que discute os reflexos da crise financeira de 1929 na sociedade paulista promove as exibições neste ano que marca os 100 anos do nascimento de seu autor. A entrada é gratuita e as apresentações acontecem sempre aos sábados, às 20h30.

O enredo traz a história de um imigrante italiano e ex-empregado que herdou uma fortuna com a Revolução Industrial em São Paulo mas ainda sonha em ser nobre. Através do humor, o espetáculo retrata o contexto das grandes mudanças na ordem social e econômica do país daquela época, como o processo de industrialização, declínio do poder financeiro de muitos fazendeiros e barões de café e a ascensão social dos imigrantes, a exemplo do protagonista da peça. 

O elenco é composto pelos atores da Encena Companhia de Teatro: Orias Elias e Walter Lins, dois dos fundadores da Cia; Sylvia Malena, Flávia D´Alima, Daniella Murias, Zulhie Vieira, Sabina di Collucci, Giggio Mariani, Adelmo Fernandes e Adriana Paris. 

O cenário recria uma casa típica dos anos 1960 através de móveis, molduras, porta-retratos. O figurino, assinado por Walter Lins, é inspirado em personalidades da década de 60, como Maria Tereza Goulart e Elizabeth Taylor. Já para os homens do elenco, a pesquisa partiu do estilo de modelos masculinos da época em revistas, como Manchete, Cruzeiro e coleção Nosso Século. A trilha sonora está a cargo do músico Gustavo Barcamor e a iluminação é uma criação de Gabriel Greghi. 

Histórico da peça:

“Os Ossos do Barão” já teve montagens para o teatro e para a TV. Em 1963, recebeu encenação dirigida por Maurice Vaneau com Otelo Zeloni, Rubens de Falco, Cleyde Yáconis e Aracy Balabanian no elenco. A trama foi inspiração para uma telenovela, em 1973, da TV Globo, escrita pelo próprio autor da peça e dirigida por Régis Cardoso, com Paulo Gracindo, Lélia Abramo, Lima Duarte, José Wilker e Dina Sfat. E em 1997, foi novamente referência para uma adaptação de várias peças do autor ao SBT – essa versão trouxe, no elenco, atores como Leonardo Villar, Juca de Oliveira, Cleyde Yáconis e  Rubens de Falco. Em 2005, foi adaptado para o programa “Senta Que Lá Vem Comédia”, da TV Cultura.

Serviço:
Cia. de Teatro Encena apresenta “Os Ossos do Barão”

Até 05/11, sempre aos sábados, às 20h30

Entrada gratuita com contribuição espontânea 

Endereço: Rua Sargento Estanislau Custódio, 130, Jd. Jussara | Vila Sônia, Butantã 

Leia Mais
Documentário Verde-Esperanza mostra os resultados positivos da descriminalização do aborto pela América Latina