Integrantes foram atacadas a chicotadas (Foto: Reprodução/TheIndependent via P4k).
Integrantes foram atacadas a chicotadas (Foto: Reprodução/TheIndependent via P4k).

Integrantes das Pussy Riot foram atacadas com chicotes durante a realização de uma performance em Sochi, cidade russa onde acontece a Olimpíada de Inverno este ano. Nadya Tolokonnikova e Masha Alyokhina foram atacadas por militares cossacos, segundo vídeo divulgado pelo jornal inglês The Independent.

Veja o vídeo:

As duas foram recentemente libertadas da prisão, em dezembro do ano passado, e realizaram uma turnê pelo mundo para protestar contra o governo do presidente Vladimir Putin e também para cobrar mais direitos para os presos. Elas fundaram uma organização humanitária chamada Zone Of Law.

De volta à Rússia, elas foram para Sochi onde iriam gravar o videoclipe de uma nova música cuja tradução do título é “Putin Vai Te Ensinar A Amar A Pátria”. Elas foram presas duas vezes desde que chegaram à cidade. Informes de agências internacionais e também da rádio de Moscou, Moscow Voice, os policiais trataram as integrantes com violência quando chegaram à prisão.

Elas foram acusadas de roubar um hotel em Sochi, mas foram libertadas. Nesta quarta (19), ao saírem de um restaurante para cantarem a música, as integrantes foram atacadas a chicotadas pelos cossacos. Ao menos uma guitarra foi destruída. Elas estavam vestindo as icônicas máscaras coloridas e empunhando balaclavas, instrumento tradicional russo. Segundo a AP, ninguém foi preso.

Os cossacos, figuras histórias da Rússia, retornaram com força nessa era Putin. Eles eram conhecidos no século passado como bravos homens a cavalo que defendiam a fronteira do País. Hoje, surgem como mantenedores violentos do regime atual. Mais sobre eles nesse artigo do NYTimes.

Aqui outro vídeo da recente passagem da banda por Sochi.

http://www.youtube.com/watch?v=LML34tku3c0

Leia Mais
Devotos e Isaar estão juntos na nova música “Orixás”