O veterano quadrinista Emmanuel Guibert venceu o Grande Prêmio no Festival de Angoulême, na França. A distinção é entregue a um grande nome dos quadrinhos por sua carreira e contribuição ao meio.

Guibert venceu Chris Ware e Catherine Meurisse, que também eram finalistas. Esta foi a terceira vez que Guibert concorria.

Nascido em 1964, Guibert é conhecido por seu trabalho em A Guerra de e pelo livro O Fotógrafo, ambos publicados no Brasil pela Zarabataba e Conrad Editora, respectivamente. Seu estilo é conhecido pelo tom humanista nos relatos e pelos desenhos realistas e imersivos que utilizam diferentes técnicas.

Cena de O Fotógrafo, de Guibert.

Guibert também é conhecido por trafegar por diferentes gêneros e formatos com maestria, do caderno de viagem, passando pelo documentário, romance gráfico e quadrinhos juvenis. Ele é co-autor da série bastante popular na França, Ariol.

Na mesma cerimônia em Angoulême, o roteirista norte-americano Robert Kirkman (de Walking Dead) venceu o troféu de honra (Fauve D’Or).

Leia mais sobre quadrinhos em nosso site na página O Grito! Quadrinhos
Os melhores quadrinhos de 2019

Leia Mais
Lollapalooza Brasil adiado para dezembro por conta do coronavírus