radiohead2

O Radiohead, como sabemos, é uma das bandas mais críticas aos serviços de streaming. Populares há alguns anos, plataformas como Spotify, Deezer e Apple Music oferecem um catálogo de milhares de músicas por uma assinatura na casa dos 15 reais. É bem prático para os ouvintes, mas alguns artistas reclamam que os serviços não remuneram o suficiente para que este modelo de negócio seja interessante para todas as partes envolvidas.

Agora, o Radiohead, uma das bandas mais críticas a esses serviços, parece que está se entendendo em relação a esse novo momento da indústria fonográfica. O grupo anunciou que seu mais recente álbum, A Moon Shaped Pool, será disponibilizado no Spotify no próximo dia 17. Nesta sexta (10), o clássico In Rainbows (2007) foi adicionado ao catálogo do serviço de streaming.

Quando foi lançado, In Rainbows inaugurou no mundo pop o esquema “pague quanto quiser”. Como uma forma de driblar o modelo de negócio da venda de disco e ainda passar uma perna na pirataria, Thom Yorke e banda decidiram colocar na web o álbum em um projeto que fez história. O álbum poderia ser baixado até mesmo de graça.

Desde então, o disco estava fora dos principais catálogos de streaming. Agora, a banda renegociou os direitos de todas as suas músicas com a gravadora XL, que vem colocando os álbuns no Spotify, a maior plataforma de streaming do mundo. A Moon Shaped Pool fica disponível online na semana que vem, mesmo dia em que o álbum físico chegará às lojas. Até então, apenas clientes do Tidal podiam ouvi-lo.

O Radiohead faz parte de um grupo de artistas que são críticos aos serviços de streaming, como Björk e Taylor Swift.

Veja o clipe de “Burn The Witch”:

Leia Mais
CCXP Awards abre a votação dos vencedores de sua primeira edição