Regra 34, novo longa de Julia Murat, ganha o prêmio máximo no Festival de Locarno

O Brasil não ganhava o prêmio máximo desde o ano de 1967, com Terra Transe de Glauber Rocha

Cena do filme Regra 34/ Foto: Divulgação

Da diretora brasileira, Julia Murat, o filme “Regra 34” recebeu o Leopardo de Ouro, o prêmio máximo do Festival de Locarno, na Suíça. O evento é um dos mais prestigiados do mundo e a vitória da obra quebra os 55 anos em que o Brasil não recebia o Leopardo. Na premiação, além de Murat, a produtora do longa, Tatiana Leite, também recebeu o troféu.

O filme é estrelado pelos atores Sol Miranda, Lucas Andrade, Lorena Comparato e Isabela Mariotto e narra a história de Simone, uma mulher negra que trabalha como camgirl para custear os estudos para realizar o desejo de passar na defensoria pública.

Aclamado pelos críticos do Festival de Locarno, Julia explicou que “ganhar esse prêmio nesse momento em que a extrema direita detém o poder no país, valoriza um filme que representa tudo o que eles odeiam e tentam exterminar”.

Leia Mais
Xamã e Camila Queiroz confirmados como apresentadores do MTV Miaw