Cena de "Segunda Pele"
Cena do espetáculo "Segunda Pele", que aconteceu em julho de 2018, em Caruaru, pelo Palco Giratório (Foto: Duo D'imagens - Marcos e Bosco Nascimento)

A partir do dia 28 de março deste ano, o Sesc promove a 22ª edição do Palco Giratório. Todos os Estados e o Distrito Federal receberão o espetáculo. No lançamento, que acontecerá em Natal (RN), terá uma intervenção musical dos grupos Folia de Rua e Zamberactu, apresentação do “Meu Seridó”, com a atriz Titina Medeiros, do grupo Casa de Zoé (RN) e o show “Batuque-se”, de Sueldo Soares.

Ao todo, são 642 espetáculos de 20 grupos artísticos. 138 cidades do Brasil poderão assistir às apresentações. O projeto acontece há 22 anos e tem um forte papel de democratizar a cultura. De acordo com Mariana Pimentel, analista de artes cênicas do Departamento Nacional do Sesc, o evento “promove o trabalho de artistas independentes e manifestações artísticas diversificadas, como dança, circo, teatro, intervenções urbanas e suas interfaces. Além de permitir que os artistas apresentem seus espetáculos em todas as regiões brasileiras, contribui para a formação de público e democratização do acesso à cultura.”

Para o público infantil, o Palco Giratório conta com os espetáculos para bebês “Voa”, do Coletivo Antônia (DF), e o “Tandan!”, da Cia Etc. (PE), que apresentará para o as crianças uma experiência de imersão em dança a partir de estímulos sensoriais. E por falar em dança, haverá a apresentação de Cia.Suave/ Alice Ripoll (RJ), Gumboot Dance Brasil (SP) e Jessé Batista (AL), com trabalhos que ressignificam as danças urbanas no contexto brasileiro.

Também estão na programação, os grupos 1Comum Coletivo (RJ), Cavalo Marinho Estrela de Ouro (PE), Chocobrothers (SP), Cia Casa Circo (AP), Manada Teatro (CE), Dramaturgia Diones Camargo (RS), Quimera Criações Artísticas e Teatro Ateliê (RS), Soufflé de Bodó Company (AM) e Teatro Público (MG).

Leia Mais
Selena Gomez lança “My Mind & Me”, trilha sonora de seu documentário autobiográfico